Programa ajuda estudantes a conseguirem equipamentos e acesso à internet.

Solicitação do benefício inicia nesta quinta-feira (30); veja edital.

Campus Santa Mônica da UFU, em Uberlândia; atividades presenciais estão paradas desde março Universidade Federal de Uberlândia/Divulgação A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) vai oferecer auxílio de inclusão digital para estudantes menos favorecidos economicamente para a retomada das aulas em formato remoto.

Na última sexta-feira (24), a instituição tornou público o processo de solicitação do auxílio emergencial para alunos regularmente matriculados em atividades remotas nos cursos de graduação, técnicos e de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado). As modalidades de auxílio compreendem ajuda para acesso à rede internet e/ou auxílio para aquisição de dispositivos eletrônicos para conexão à internet.

Há regras específicas para alunos de cursos técnicos, graduação e pós graduação.

Clique aqui para ver edital.

Segundo a UFU, as modalidades respondem às demandas avaliadas em pesquisa realizada pela instituição sobre o tema. As inscrições para receber o benefício iniciam nesta quinta-feira (30).

Poderão solicitar o auxílio estudantes de todos os campi da UFU (Uberlândia, Ituiutaba, Patos de Minas e Monte Carmelo) que apresentem renda comprovada do núcleo familiar per capita de até um salário mínimo nacional vigente, ou seja, R$1.045,00 por pessoa. Conforme o edital, os alunos selecionados para receber o auxílio deverão apresentar prestação de contas mediante apresentação de nota fiscal, recibo de compra e venda de equipamento conforme cronograma, ou apresentação de documentação comprobatória da contratação de serviço. Veja datas com cronograma do procedimento: 24/07 - Publicação do Edital 30/07 a 04/08 - Período de inscrição on-line 10/08 - Divulgação do resultado dos auxílios 11/08 e 12/08 - Período dos recursos 17/08 - Divulgação do resultado dos recursos 21/09 a 28/09 - Período de prestação de contas Aulas on-line Em junho, a instituição já havia anunciado a retomada das atividades da pós-graduação de forma remota.

Depois, o Ministério Público de Federal (MPF) recomendou o retorno das atividades nos cursos de graduação.

As aulas estavam suspensas desde o início da pandemia da Covid-19. Relembre as decisões anteriores A UFU aprovou no dia 10 de julho um calendário especial para os cursos de graduação com a oferta de atividades remotas por meios digitais.

A aprovação ocorreu durante reunião do Conselho de Graduação (Congrad). Segundo a Universidade, as atividades serão divididas em dois períodos letivos especiais.

Projeto de auxílio emergencial para que estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica também foi anunciado (veja abaixo). A decisão segue autorização do Ministério da Educação (MEC) sobre as atividades remotas até o dia 31 de dezembro.

Já o calendário acadêmico regular da universidade permanece suspenso. Calendário De acordo com a UFU, os colegiados dos cursos e o Núcleo Docente Estruturante (NDE) terão autonomia para adotar ou não as atividades remotas.

Caso escolham ofertar, os órgãos poderão escolher as disciplinas obrigatórias ou optativas que serão disponibilizadas aos estudantes. Disciplinas teóricas e práticas poderão ser ofertadas, desde que possam ser realizadas de forma remota.

Elas poderão ter interação simultânea, como lives, ou sem a necessidade de professores e alunos estarem conectados ao mesmo tempo.

A participação tanto de docentes quanto de estudantes é facultativa. As atividades serão divididas em dois períodos letivos especiais, que terão, cada um, nove semanas de duração.

A primeira etapa será realizada entre 10 de agosto e 10 de outubro (veja cronograma abaixo).

Já a segunda fase está programada para o período de 22 de outubro a 22 de dezembro. Cronograma da 1ª etapa 29/07: prazo final para oferta de disciplinas 30/07 a 03/08: matrícula online dos discentes, via Portal do Estudante 04 a 12/08: prazo para ajustes de matrículas pelas coordenações de Curso 10/08: início das aulas do Calendário Especial - Etapa 1 10/10: término das aulas Entenda a suspensão As aulas na UFU foram interrompidas no dia 18 de março em todos os campi, no Triângulo e Alto Paranaíba.

Em abril, nova decisão manteve a suspensão por tempo indeterminado. Em maio foi lançado um questionário online para obter informações dos alunos e elaborar um planejamento de atividades e ações.

O resultado foi divulgado junho, junto com relatório de transição. No dia 29 de junho, uma reunião definiu o retorno em formato remoto da pós-graduação.

No mesmo dia, o MPF recomendou a retomada das atividades de graduação.